Namoro virtual se torna realidade
Relationships

Num simples bate papo da internet, no meio de tanta gente que trocando várias idéias ao mesmo tempo, um apelido bem diferente numa tarde de um domingo me chamou a atenção. **** hora mesmo parecia que a garota não estava muito interessada em bater papo, mais parecia mesmo alguém que estava ocupada com outra(s) pessoa(s), mas pelo menos consegui pegar o email dela do antigo **** **** assim poderíamos conversar por ali. Eu já tinha várias pessoas conectadas no **** mas ela era diferente. O jeito engraçado **** os assuntos que nós abordávamos nos fazia perder a noção do tempo **** sempre tinhamos assunto pra falar. Mas no começo ela não falava muita coisa sobre ela **** sim das coisas do dia-a-dia, tanto o dela como a minha rotinha diária. Um tempo depois ela começou a se abrir mais **** acabou dizendo que ela tinha uma filha **** ela era uma mã**** solteira. Isso hoje em dia tem se tornado algo "normal" tanta gente que são que nem ela são mães solteiras. No caso dela era uma gravidez indesejada tanto por um descuido dela quanto pelo **** dela. Eu não tenho a função de estar dizendo quem está certo ou errado, mas o que já está feito está feito. O que houve mesmo que ela acabou confiando demais no **** dela **** ele acabou a prejudicando com a gravidez dela o que acabou fazendo com que ela largasse a faculdade que ela estava cursando logo no início da gravidez. Assim ela contou como foi a gravidez da filha dela **** também quando ela deixou o **** dela **** também o que ele fez para tê-la de volta. Eu sinceramente nunca me imaginaria em conseguir namorar uma mulher como ela **** o que eu gostava mesmo era de estar conversando com ela pelo msm, trocando emails **** tirando muito sarro dela. Num domingo acabei pegando uma foto dela, imprimindo **** impressora **** eu queria fazer arte com a foto dela. **** foto coloquei coisas que eu imaginaria vendo ela pessoalmente, colocando uma correntinha **** um par de brincos em forma de coração **** as mechas dela avermelhadas. Num imaginaria algo que eu fiz para tirar sarro dela acabasse sendo o ponto de partida para um romance que acabou começando numa distância tão longa **** virtual. Não foi muito fácil de convencê-la a namorar comigo, tanto é que insisti muito para estar ao lado dela. Muitos queriam estar namorando com ela, assim como eu, **** por essa razão tive que lutar muito para conseguir isso. Não a iludi, sempre dizia a verdade para ela **** sempre fui sincero naquilo que eu sentia por ela. O amor foi crescendo a cada dia **** assim queríamos cada vez mais no conhecer melhor a cada dia que se passava. Contávamos as horas que nós voltariamos nos falar **** ficávamos horas **** horas no **** querendo saber cada vez mais o que cada um fazia no dia-a-dia. Como ela estava cursando numa faculdade **** ela tinha conseguido um estágio como servidora pública não faltava assunto para nós trocarmos idéias. Cada um ajudava **** medida do possível para melhorar não só nos estudos da faculdade dela mas também em nossos empregos. Isso ajudou-nos muito **** dependiamos cada vez mais um do outro. Os horários de nossos empregos não batiam **** assim nós revezávamos ficando acordado até mais tarde. Nos fins de semana ficávamos praticamente o dia todo online para matarmos a saudade que era muito grande. Combinamos o dia que iríamos nos encontrar **** vida real **** nossa anciosidade já começava apertar **** queriamos que o tempo passasse rápido para que este dia acontecesse. Neste meio tempo aconteceu muita coisa. Foi uma experiência inesquecível. Tive que tomar atitudes que iriam decidir o meu futuro **** isso não foi muito fácil **** passei noites **** noites em claro para mim desfazer das coisas que eu tinha durante um bom tempo. O lugar onde eu morava era bem apertado **** o que sobrou lá não daria para mim levar, então tive que jogar fora a maior parte das coisas **** encaixotar as coisas que eu iria precisar. Esse foi um período muito dificil pra mim pela sobrecarga de serviço tanto no trabalho, como em casa **** ela também me cobrava para voltarmos nos falar pelo ****. Tive que passar várias madrugadas em claro arrumando minhas coisas para fazer a viagem **** ir conhece-la **** vida real. Parece um filme de ficção **** nunca imaginamos que nós iríamos realizar algo **** vida real. A viagem foi longa, passei por vários paí**** para ir ao encontro dela **** escolhi a dedo o hotel onde nós iríamos ficar juntos. Ela também conhecia onde iríamos passar as "férias" juntos pois tanto eu como ela estavámos precisando mesmo de uma folga. Ela precisava folga da faculdade dela **** eu precisava não só do emprego que eu já estava trabalhando há mais de 3 anos sem tirar um dia de folga. O dia tão esperado chegou, passei frio, muito frio mesmo **** quando peguei outro avião para chegar onde ela morava acabei passando um baita de um calor. Além de ficar várias horas sem tomar banho **** sem dormir finalmente nos encontramos no hotel. O nosso encontro pela primeira vez foi emocionante. Ela chorou muito **** neste dia ela tinha esquecido o óculos dela **** ela não estava enxergando direito durante a caminhada dela da casa dela até o hotel. A distância não era tão longa pois acabei encontrando um hotel perto da casa dela. Após nosso tão aguardado encontro, deixei as minha coisas **** mala no quarto do hotel **** seguimos até a casa dela **** assim pude conhecer a família dela. Matei a minha fome com a boa comida da mã**** dela **** nós fomos juntos para o hotel passar nossa primeira noite juntos. Neste dia ela ficou várias horas **** casa dela se preparando para este dia **** tomou um banho bem demorado. Dormi um bom tempo no sofá da casa dela **** ela apareceu para seguirmos para o hotel o tão aguardado dia. Deixou a filha dela com a mã**** dela **** fomos para o hotel. Após fecharmos a porta do quarto começamos bem devagar. Tirei a roupa dela que tinha escolhida para aquela ocasião **** começamos a nos beijar loucamente. Deixei ela somente de calcinha **** sutiã **** deitei ela **** **** bem devagar. Assim comecei a passar a lingua nela em todo o corpo, desde o pescoço, tirando o sutiã deixando a amostra os belos seios dela **** fui descendo até chegar **** calcinha linda dela. Já estava bem molhadinha pronta para o ato. Depois de um longo período de espera esse foi o tão aguardado dia que iríamos fazer amor pela primeira vez. Eu nem quiz utilizar os brinquedinhos que acabei comprando para ela **** também nem me dei conta que a fresta das janelas estavam abertas. Somente as janelas estavam fechadas, mas as pessoas que passavam pelo corredor poderiam nos ver transando no quarto. Penetrei nela bem devagar **** já estava fervendo lá dentro da vagina dela. Acertei em cheio o buraquinho gostoso dela **** ela gemeu muito naquele dia. Nem reparamos quanto tempo nós ficamos no vai **** vem **** variamos tantas posições que se passaram horas **** horas até nos cansar. Já de madrugada, demos um tempo **** fomos juntos tomar banho **** ela começou novamente a me chupar debaixo do chuveiro **** eu comecei também a acariciar o ****óris dela **** deixar ela bem molhadinha de novo. Ela se encostou **** parede do banheiro **** penetrei ela por trás. Só ouvi ela um "ai q delícia, faz mais **** mais". Aí enfiei até o fundo **** ela adorava cada vez mais. Depois sentei no vaso **** ela sentou em cima do meu pênis **** ela adorava controlar a penetração dentro da gostosa vagina dela. Ela gemia cada vez mais **** posteriormente pegou a toalha **** deitou-se **** ****. Ali terminamos o que começamos **** ela gozou tantas vezes com ela por cima que uma hora acabou desmaiando **** ****. Dormimos até as 11:00 da manhã de um domingo **** voltamos para a casa dela. Aproveitamos o dia para conhecer a cidade onde ela morava, levando junto a filha dela para passear **** no final da tarde ela resolveu ficar **** casa dela com a filha. Não sabia naquele dia o que tinha ocorrido, posteriormente fui saber que no primeiro dia que transamos foi que eu consegui rasgar os lábios vaginais dela **** estava sentindo dor por essa razão. Eu sinceramente estava preocupado com ela **** deixei-a ficar com a filha dela. Dormi sozinho no quarto **** numa segunda feira ela seguiu para o trabalho dela **** fiz questão ir com ela até o ponto de ônibus no primeiro dia de trabalho após as férias dela. Ela foi tranquila **** voltou após o horário do almoço pois ela só trabalhava meio período por causa da faculdade dela. Combinamos em nos encontrar no shopping perto da casa dela **** fomos almoçar juntos. Depois nós fomos em um ponto histórico da cidade **** voltamos para o hotel. A noite deste dia também foi muito bom demais... Inventamos em utilizar os travesseiros da **** para dar certo a altura para a posição colherzinha assim eu conseguia fazer uma penetração bem profunda **** chegar no fundo do útero dela. Neste dia também utilizei os vibradores que eu tinha comprado para ela **** adorou todos eles. Cada dia mais sentia mais tesão por ela **** ela também sentia o mesmo por mim. Neste dia não transamos até mais tarde pois no primeiro dia transamos tanto que acabamos ficando sentindo dores por corpo todo. Ficamos fazendo **** por mais de 4 horas seguindas **** nos dias seguintes diminuíamos para não sentirmos tantas dores como neste dia. Fiquei com ela por uma semana inteira **** ela tinha que voltar a estudar **** faculdade dela **** eu tinha que cuidar das minhas coisas também. **** assim retornei para minha casa **** ela ficou por lá **** casa dela **** tomando a rotina diária dela. Ela dizia que não iria até o aeroporto ir despedir, mas **** última hora ela apareceu me surpreendendo com a aparição dela. Chorou muito **** despedida o que fez com que eu ficasse emocionado também, mas eu tinha que ir pois senão eu iria atrapalhar **** rotina dela **** assim entrei no aeroporto **** segui minha viagem

Qual posição predileta dela?




Feb 25, 14 3:33 AM

Comments

No Comments
18 U.S.C. 2257 Record-Keeping Requirements Compliance Statement
scamcheck

BeNaughty ranked #8 among all UK websites
in the Hitwise Lifestyle - Dating industry, based on
market share of visits in January - December 2011.